top of page

Aspectos Fundamentais de Existencia, Validade e Eficácia do contrato


A existência, validade e eficácia do contrato são aspectos fundamentais para garantir que um contrato seja legalmente vinculante e cumprido pelas partes envolvidas. Vamos explorar cada um desses elementos.


Existência do contrato:
A existência de um contrato é estabelecida quando duas ou mais partes expressam seu consentimento em relação aos termos e condições do acordo. O contrato pode ser escrito, verbal ou até mesmo implícito por meio das ações das partes envolvidas. É importante ressaltar que certos tipos de contratos, como os contratos imobiliários ou aqueles envolvendo uma quantidade significativa de dinheiro, geralmente devem ser reduzidos a termo escrito para ter validade legal.

Validade do contrato: A validade do contrato refere-se à conformidade do acordo com certos requisitos legais. Para que um contrato seja válido, ele deve atender a elementos essenciais, como:
Capacidade legal:
As partes devem ter a capacidade legal para celebrar o contrato. Isso significa que devem ser maiores de idade e mentalmente competentes. Além disso, em alguns casos, determinadas profissões ou setores específicos podem exigir autorizações ou licenças adicionais.

Consentimento livre e genuíno:
As partes devem consentir voluntariamente com os termos do contrato, sem coerção, fraude ou erro significativo.

Objeto lícito:
O objeto do contrato deve ser legal e não pode ser contrário à lei, à moralidade ou à ordem pública.

Forma adequada (quando necessário):
Alguns tipos de contrato podem exigir forma específica para serem válidos, como contrato escrito ou registro em cartório.

Eficácia do contrato:
A eficácia do contrato refere-se à capacidade do acordo de produzir os efeitos pretendidos pelas partes envolvidas. Uma vez que um contrato é válido, ele é considerado eficaz quando as obrigações estipuladas nele são cumpridas pelas partes de acordo com os termos acordados.

Isso implica que ambas as partes têm direitos e responsabilidades que devem ser respeitados e cumpridos para que o contrato seja executado corretamente.

É importante mencionar que, embora um contrato possa ser existente, válido e eficaz inicialmente, certas circunstâncias podem levar à sua rescisão ou invalidação posteriormente. Isso pode ocorrer devido a falhas no cumprimento das obrigações, violação de cláusulas contratuais, impossibilidade de execução ou outras circunstâncias previstas em lei.

7 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page